SINDICATO DOS TERAPEUTAS DO ESTADO DE SERGIPE TEM NOVA COMPOSIÇÃO DE DIRETORIA

24.09.2015

          

César

O Sindicato dos Terapeutas de Sergipe – SINTE-SE, filiado à Federação Nacional dos Terapeutas – FENATE, está com nova composição de diretoria. Assembleia Geral Extraordinária, realizada semana passada, escolheu como novo presidente da instituição o biólogo, psicanalista, fitoterapeuta e jornalista César Gama, que prometeu lutar pelo fortalecimento da entidade sindical, “em benefício das centenas de filiados que precisam de um sindicato ativo e atuante em prol da defesa dos direitos de todos os  terapeutas sergipanos”.

 
            Segundo César Gama, muito já foi feito pelo SINTE para a categoria dos terapeutas no âmbito do estado de Sergipe, “graças ao incessante trabalho de sua ex-presidente, Adeilde Marques, que com muita força de vontade e combatividade concretizou a instituição de uma legislação municipal que ampara e protege o profissional e  a atividade em Aracaju”.
            O novo presidente do SINTE rememorou “a incansável luta da ex-presidente, que conseguiu viabilizar a criação da Federação Nacional dos Terapeutas e foi peça fundamental para a instalação de treze outros sindicatos de terapeutas filiados à Fenate em todo o país”.
            - Além disso – prosseguiu César – vale ressaltar também a atuação de Adeilde Marques  junto à Câmara Federal, em 2007, quando encaminhou o Projeto de Lei que visa a Regulamentação da categoria em todo o país, projeto que está tramitando naquela casa e encontra-se atualmente na Comissão do Trabalho”.
            Ele salientou que “após a regulamentação da categoria, o novo presidente da Fenate, Jimmy Albuquerque, dando prosseguimento aos onze anos de luta da Fenate no Congresso Nacional, dará continuidade à luta pela criação do Conselho Federal de Terapeutas, com o endosso do SINTE de Sergipe, que se somará no âmbito do estado para que tais realizações venham a ocorrer”.
METAS
            De acordo com César, após um processo em que a entidade sindical sergipana esteve um tanto amorfa, o objetivo de sua gestão agora é dar prosseguimento ao fortalecimento do SINTE-SE iniciado por Adeilde Marques, garantindo um melhor apoio aos filiados da entidade e viabilizando, a partir de 2016, uma política de ação e uma programação sindical que vá ao encontro dos anseios e interesses da categoria que o Sindicato representa.
            Ele acrescentou que para a concretização desses objetivos, continua sendo fundamental a participação da ex-presidente Adeilde, por sua experiência e conhecimento na prática sindical. Adeilde  nesta nova gestão foi escolhida para o cargo de Secretária.
            Para alcançar as metas a que a nova gestão se propõe, o presidente do SINTE-SE lembrou que “também será de importância primordial a atuação do seu novo vice-presidente, o fitoterapeuta Jorge Bertussi, por sua experiência como pesquisador e largo conhecimento na atividade que desempenha com muita ética e paixão”.
            Por fim, César Gama lembrou que toda a nova diretoria da entidade está constituída por pessoas capacitadas, sérias e íntegras, que vêm na atividade do terapeuta a oportunidade de auxiliar o próximo com responsabilidade e ética, através dos conhecimentos adquiridos com as práticas integrativas e complementares de saúde, aproveitando os recursos que a natureza  oferece ao ser humano .
           

Diretoria
A nova diretoria do Sindicato dos Terapeutas de Sergipe ficou assim constituída: PRESIDENTE: César Gama; VICE-PRESIDENTE: Jorge Bertussi; SECRETÁRIA: Adeilde Marques; DIRETOR DE ASSUNTOS JURÍDICOS: Clorivaldo Alves Campos; TESOUREIRO: Ismael Afonso da Silva; DIRETORA DE PATRIMÔNIO: Maria Áurea Guimarães Cavalcante;


CONSELHO FISCAL: PRESIDENTE: Valdirene Souza Costa; SEGUNDO CONSELHEIRO: Rita Bezerra Rodrigues Silva; TERCEIRA CONSELHEIRA: Josenilda Resende Santos Diniz; SUPLENTE: Maria de Fátima Machado da Silva.