COMISSÃO ELEITORAL DA FENATE RECEBE CHAPA PARA O PLEITO DE 12 DE JULHO DE 2015

30.06.2015

COMISSÃO ELEITORAL DA FENATE RECEBE A CHAPA “RECONSTRUÇÃO” PARA O PLEITO ELEITORAL DE 12 DE JULHO DE 2015

Ao apresentar sua Chapa, Jimmy Albuquerque falou “não podemos deixar cair um trabalho de base de onze anos, com tantos avanços e ganhos para a categoria de Terapeutas do Brasil”,  e finaliza “É nossa  contribuição por se tratar de momento tão delicado, quando forças contrárias lutam contra tão digno trabalho.”

 

A Comissão Eleitoral constituída em 22 de junho de 2015 para conduzir o pleito eleitoral para eleições de Diretoria, Conselho Fiscal, Conselho Nacional de Ética da Federação Nacional dos Terapeutas – FENATE, recebeu no dia 29 de junho de 2015, prazo limite para apresentação de Chapa, uma única Chapa intitulada “RECONSTRUÇÃO” encabeçada pelo Terapeuta, Morfologista do Sangue, Microbiologista e presidente da American Blood Analysis Corporation dos Estados Unidos, Jurandir (Jimmy) Albuquerque.

Jimmy Albuquerque é conhecido no Brasil e no mundo por sua história, por ter vencido um câncer no cérebro  (Glioblastoma multiforme), com uso de ervas e mudança nos hábitos alimentares, após ser desenganado pelos médicos da Califórnia (USA). Por essas experiências de vida, após curar-se, dedicou-se aos estudos da Morfologia do Sangue Vivo, e passou a visitar vários países onde, através das palestras e cursos, explica como se livrou do câncer e como as pessoas podem conseguir  o mesmo e curar o câncer de mama, de útero e próstata, entre outras enfermidades e doenças infecciosas, ensinando-as a  prevenir-se contra esse mal que assola o mundo inteiro.
Dentre as suas metas estão a continuação da luta pela regulamentação, que tem avançado na Câmara Federal, sendo uma das suas prioridades para garantia da profissão do Terapeuta.
                Na sequência, as negociações com os sindicatos, resolução das pendências tanto perante a FENATE quanto ao Ministério do Trabalho, pela segurança do terapeuta filiado, e a própria segurança dos sindicatos associados, representantes e defensores dos direitos que envolvem a classe de Terapeutas.
               Outro objetivo é ativar a  Comissão Didático Pedagógica da FENATE (Resolução 004/2011 Art. Segundo) para um melhor acompanhamento das  escolas, instituições, institutos, ONGs, faculdades e organizações de formação terapêutica que têm a chancela da FENATE, e aqueles que vierem a ter. Para Jimmy Albuquerque, é uma das  prioridades em virtude da necessidade de controlar, apoiar, qualificar os novos profissionais nas mais diversas terapias já  terapias vigentes no país. Terapias estas que, já estão em andamento para inclusão na CBO – Classificação Brasileira de Ocupação do Ministério do Trabalho, e que serão reforçadas por sua gestão.
Após uma lacuna que durou seis meses, envolvendo as duas últimas  eleições, em que grupos opositores tentaram desconstituir a FENATE, prejudicar o andamento com injúrias, processos, maledicências,  Jimmy Albuquerque diz já ter passado esta fase negra, e deixa mensagem de esperança e fé ao Terapeuta e sindicatos filiados, esperando contar com mais empenho de cada um, para que cada dia mais a categoria de Terapeutas seja respeitada e valorizada. Jimmy conclui que cabe a cada um repensar sobre nossa categoria, e cumprir com suas responsabilidades pessoais, profissionais, éticas e sociais.
E pede o voto de confiança de cada profissional filiado, para que a luta continue pela nossa garantia profissional.
FENATE – O ÓRGÃO DE CLASSE DO TERAPEUTA DO BRASIL!